terça-feira, 16 de abril de 2013

Selex ES apresenta a recém unificada Selex ES do Brasil

Por Roberto Valadares Caiafa...O radar Gabbiano foi selecionado para uso no Embraer KC-390 (Foto: Selex ES)

Selex ES, uma empresa Finmeccanica, anunciou sua recém unificada subsidiária ‘Selex ES do Brasil’. A subsidiária foi estabelecida para suportar as aspirações do Brasil em expandir a capacidade industrial em áreas de alta tecnologia tais como segurança e defesa com o objetivo de criar capacidade de suporte nacional independente, transferência de tecnologia e confiabilidade reduzida em fornecedores externos. Com uma oferta compreensiva em termos de arquiteturas, sistemas, produtos, soluções e suporte nos campos de defesa e segurança, a Selex ES objetiva desempenhar um papel maior no desenvolvimento da malha da indústria brasileira. A empresa brasileira terá uma função principal na sustentação de parcerias com empresas locais e aprimorar a transferência de tecnologia a parceiros brasileiros, em linha com a estratégia de internacionalização da Selex ES.O sistema de defesa eletrônica Athena, integrado as frgatas FREMM italianas (Foto: Selex ES)

Os escritórios da Selex ES do Brasil estão localizados no Rio de Janeiro, onde cerca de 90% são cidadãos brasileiros empregados como engenheiros e técnicos que apoiam as atividades de produção e manutenção em todos os níveis, e onde a empresa realizou um investimento multimilionário em euros na fixação de um centro de reparos de nível I e D no país.
A empresa continuará a apoiar todos os seus clientes fornecendo suporte local e resolução de todos os assuntos associados com programas sendo adquiridos pelas forças armadas brasileiras, incluindo sistemas tecnológicos complexos tais como radar, comunicações, comando e controle e cyber segurança. As instalações da Selex ES do Brasil incluem Centros de Tecnologia e Manutenção para suporte de sistemas complexos, incluindo aqueles em serviço com a Marinha do Brasil. O próprio centro de suporte de manutenção e operacional compreende três instalações principais, uma área que é dedicada à integração e teste, outra para atividades de manutenção e finalmente um instalação dedicada a treinamento para programas avançados de aprendizado e desenvolvimento. Em particular, uma parte da instalação de treinamento oferece treinamento e-learning, enquanto que a outro é ajustada como uma sala multimídia e foi projetada com tecnologias aprimoradas e realidade virtual como um suporte ao treinamento de manutenção e operacional.
A Selex ES está no país desde os anos 1970 quando foi primeiramente outorgada com um contrato pela Força Aérea Brasileira para radares de Controle de Tráfego Aéreo. Desde então a empresa tem operado com as Forças Armadas e instituições do governo para fornecer soluções da mais avançada tecnologia. Como um exemplo, a Selex ES está presente em todas as plataformas importantes da Força Aérea Brasileira tais como AMX, F-5, KC-390, P95 e Lynx, com cerca de 140 radares aéreos de vigilância e controle de incêndio (M-scan e AESA, igualmente) em serviço no país. A empresa também trabalhou com a Marinha do Brasil para a modernização das fragatas de classe Niterói e corveta Barroso. A empresa trabalhou com o Exército do Brasil para o programa Sistac (Sistema Tático de Comunicações), que apresenta o uso do sistema Tetra (Tetratac), uma rede digital integrada que pode fornecer serviços de voz e dados mantendo uma interface com redes externas e rádios convencionais. Isto representa um passo muito importante em direção às capacidades de rede do Exército do Brasil.
Em adição a um portfólio substancial de capacidades e soluções dentro das áreas de Segurança e Defesa, a Selex ES também oferece soluções altamente avançadas similares no setor comercial incluindo aeroportos integrados, proteção e gestão de infraestruturas críticas, redes de comunicação e sistemas para “cidades Smart”. A Selex ES é igualmente ativa na perseguição de todos os programas principais de Segurança brasileiros tais como SISFRON, PROTEGER e SISGAAZ e programas de defesa tais comoPROSUPER e FX2.
A Selex ES orgulha-se em ter se associado com o desenvolvimento de capacidade das Forças Armadas Brasileiras pelos últimos 30 e das associações industriais brasileiras relacionadas que foram estabelecidas. A empresa acredita que a criação da Selex ES do Brasil, com suas instalações no Rio, permitirá que a Selex ES ademais suporte o desenvolvimento de capacidades das Forças Armadas Brasileiras e industriais pelos próximos 30 anos e além.
tecnodefesa.com.br...SNB

Arquivo do blog segurança nacional