domingo, 29 de dezembro de 2013

Após série de atrasos, a Rússia lança novo foguete Soyuz

RIA Novosti) - Um novo foguete Soyuz decolou do centro espacial de Plesetsk, no norte da Rússia no sábado, após numerosos atrasos no início desta semana, disse o Ministério da Defesa russo.
O ministério disse que o lançamento ocorreu às 16:30, horário de Moscou (12:30 GMT).
O foguete colocou em órbita designado um pequeno satélite de pesquisa construído por estudantes e jovens cientistas.
O novo foguete, apelidado de Soyuz-2.1v, é a característica de um primeiro estágio totalmente reformulado alimentado por um motor de foguete NK-33 (14D15) construído pelo NK Engines Empresa na cidade russa de Samara. O foguete não tem as características de quatro boosters que Soyuz e os seus antepassados ​​tiveram desde o míssil R-7, que lançou o Sputnik, em 1957.
O lançamento estava inicialmente previsto para segunda-feira e foi adiada primeiro até terça-feira e, em seguida, até quarta-feira, devido à preocupação com uma possível avaria de um dos motores do foguete.
Um funcionário da Defesa russo, coronel Dmitry Zenin, disse nesta quarta-feira o lançamento foi adiado novamente e terá lugar no próximo ano.
A comissão estadual que reuniu no sábado de manhã, decidiu lançar o foguete às 14h00, mas também foi cancelada minutos antes da decolagem planejado.
A Soyuz, o foguete mais freqüentemente lançado no mundo, passou por mais de 1.700 lançamentos desde sua estréia em 1966. É um dos dois únicos foguetes em todo o mundo que são capazes de enviar astronautas em órbita, sendo o outro o chinês Longa Marcha 2F.
SEGURANÇA NACIONAL BLOG,,,SNB

Arquivo do blog segurança nacional