segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Brasil terá indústria naval de qualidade, diz Dilma


Gustavo Porto, da Agência Estado
SÃO PAULO - Em um rápido pronunciamento em Rio Grande (RS), a presidente Dilma Rousseff afirmou que os estaleiros do Rio Grande do Sul - o Quip e o Rio Grande - mostram que o Brasil voltará a ter indústria naval de alta qualidade. Ao citar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como "a pessoa a quem nós devemos esse estaleiro", Dilma afirmou que a indústria naval mantém no País os empregos do setor.
"O País não poderia exportar empregos e oportunidades para o resto do mundo. Milhões de reais foram colocados aqui e esses milhões de reais vão servir para ter indústria naval de alta qualidade, que nasceu aqui no Rio Grande do Sul", disse a presidente. Dilma lembrou ainda que os equipamentos utilizados nos estaleiros gaúchos, visitados nesta segunda-feira por ela, vêm de outros estados, como Alagoas e Rio de Janeiro. A presidente encerrou o pronunciamento com agradecimentos aos funcionários do empreendimento e ao povo brasileiro. "Eles provam que quando querem são capazes de desafiar qualquer obstáculo."
No estaleiro de Rio Grande, visitado pela presidente, estão em fase final de construção a plataforma P-55 - que será levada ao campo de Roncador, no Rio de Janeiro, e terá capacidade de extrair 180 mil barris de petróleo e 6 milhões de metros cúbicos de gás, diariamente - e a P-58, para exploração de petróleo no Espírito Santo.
SEGURANÇA NACIONAL BLOG

Arquivo do blog segurança nacional